Há cada vez mais especulações relativamente ao que será o mundo da moda numa era pós-COVID. Por um lado, sem dúvida que as tendências comfy vieram para ficar, por outro muitas mulheres sentem uma certa saudade de se “arranjar para sair”. A andimar apresenta-lhe um reflexão sobre as possibilidades que poderão surgir durante uma era pós-pandemia, mais especificamente o que esperar de uma chamada “moda pós-COVID”.

Como é a moda impactada pelos períodos conturbados?

O grande avanço da vacinação contra a Covid-19 tem dado bastante ânimo a diversas pessoas. Há cada vez mais ânsia pela possibilidade de um regresso a uma (quase) normalidade e uma das expectativas é focada na moda, mais especificamente numa possível moda pós-COVID.

Nunca é demais lembrar que durante e após alguns períodos negros da humanidade os efeitos na indústria da moda sempre se fizeram sentir. Elementos como cortes, cores, tecidos assim como as estampas são fatores que traduzem não só o que a sociedade considera bonito no período em questão, mas também servem de reflexo relativamente ao que muitos estão a viver nessa época.

Alguns exemplos que refletem isso partem das duas Grandes Guerras. Na Primeira Guerra Mundial, devido aos períodos de luto vividos, muitas mulheres adotaram tons mais escuros e sóbrios no seu vestuário. Já no caso da Segunda Guerra Mundial, muita da moda feminina que saiu durante e após esse tempo foi inspirada nos uniforme militares. Nessa altura elementos feitos de fibras sintéticas ou viscose ocuparam um grande destaque na indústria da moda.

O que esperar da moda pós-COVID?

No caso desta era pós-COVID que nos aguarda, há muitas apostas relativamente à prevalência de elementos como o conforto e a versatilidade. Conforme temos vindo a mencionar anteriormente o Estilo Confortável tem mostrado que tem vindo para ficar devido aos tempos de pandemia. A tendência em questão surgiu devido à influência que a pandemia teve em diversas áreas nas nossas vidas, especialmente na rotina de milhares de pessoas.

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Se por um lado há muitos que apostam que com o levantamento definitivo das restrições, muitos vão usar e abusar das peças mais festivas, por outro, outros pensam que esta mudança vai continuar. Devido ao facto de termos ficado meses fechados em casa diversas pessoas acabaram por reinventar o seu estilo de modo a ficarem confortáveis nas suas casas e a tendência poderá refletir-se mesmo fora de portas.

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Atualmente o comfy/confortável tem ganho cada vez mais adeptos. Falamos de diversas pessoas que graças ao período conturbado em causa descobriram alternativas de que gostam. Elementos como o uso de um tecido macio e uma miríade de modelos que dão um maior conforto à liberdade de movimento, incluindo o calçado que se adapta aos pés.

Quais os estilos que deverão continuar “na berra”?

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Numa perspetiva mais “otimista” e “realista” muitos acham que a moda Pós-COVID que aguarda a população global vai fazer uma fusão entre a sofisticação e o conforto. O foco desta análise é sobre as mulheres modernas e urbanas que tendem a preferir um estilo com maior sofisticação, no entanto, que agora valorizam a importância de se sentirem confortáveis a um nível diário.

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Algumas das peças que vão continuar a impactar a moda Pós-COVID são as peças oversized (dentro do estilo comfy), assim como as camisolas e tops de mangas mais elaboradas, visto que a tendência no teletrabalho era apenas captar a cabeça e tronco das pessoas em videoconferências. As chamadas camisolas de mangas “bufantes” vão definitivamente ser um elemento em alta neste período.

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Os moletons e sweatshirts vão continuar a ser uma das grandes tendências do ano, assim como algumas combinações mais extravagantes, nomeadamente peças com estampados, ou um estilo que tem ganho cada vez mais adeptos: o dopamine dressing. Este estilo é uma referência direta ao conceito da dopamina um neurotransmissor que age no sistema nervoso central do corpo humano influenciando as emoções, o humor e o foco da pessoa. A ideia principal é a da pessoa vestir peças que a façam sentir bem e feliz, pelo que aqui as cores usadas em cada peça acabam por ter uma influência de peso.

Moda Pós-COVID: O que pode esperar

Na nossa loja online poderá também encontrar uma diversidade de peças que a vão ajudar a dar um novo rumo ao seu look. Veja as nossas sugestões aqui.